Choose Royal

Design, objects, material culture and stuff.

Choose Trashédia

BarriosDo que nos conseguimos lembrar, a primeira vez que vimos a Joana foi na peça Conservatório, diz o site da Praga que corria o ano de 2008.

Nunca nos esqueceremos do texto (não nos lembramos de quem) que dizia em inglês com arrastamento castelhano, de tal maneira que ficámos a crer que seria uma espanhola (até porque aquele body language, e o nome Barrios, não condiziam connosco).

Depois percebemos que, afinal, não: era portuguesa e tínhamos muito, ou nada, em comum.

Daí nasceu um grande amor: continuámos a vê-la no palco e ela a ver-nos (eles dizem que com as luzes não se vê nada, mas nós sabemos que sim) na plateia. Ou então: continuámos a vê-la à porta e ela a ver-nos a entrar.

Depois quisemos ter um filho, mas a Joana pediu-nos um Mercedes e isso estava fora do budget.

Daí que ficámos por outro convite: para darmos uma perninha num blogue – a Trashédia.

A Trashédia é um blogue de moda, do tipo que odiaríamos. Mas também é trash e também consegue perceber o que é um colar de pérolas ou uns sapatos Ferragamo.

Em suma, percebe tanto a essência de uma Manuela Ferreira Leite como das criações de Rei Kawakubo (foi o mais original de que nos lembrámos de repente).

Vai daí que achámos que podia fazer sentido contribuirmos com umas escolhas das mais novas, como das que hão de ficar para sempre.

Choose Royal na Trashédia vai trazer objectos dézaine dos que ficam bem em cima do guéridon.

Fiquem para ver e podem começar com os Zvezdochka, de Marc Newson para a Nike.

Joana Barrios: obrigado, do fundo do coração.

(imagem: Joana Barrios fotografada por Carlos Pinto)

/

Since we can remember, the first time we saw Joana was in the play Conservatório, in 2008.

We will never forget Joana saying someone’s text, in English with a Spanish accent, so that we thought that she should be Spanish. Also because of that body language and the Barrios name, that did not fit.
After all, we realized that she was Portuguese and that we had much, in common.

From that was born a great love: we continued to see her on stage and she seing us from stage.

After we wanted to have a child, but Joana asked us for a Mercedes, and that was out of the budget.

Then we were also invited by her: to lend a hand on her blog – the Trashédia.

Trashédia is a fashion blog, the kind we’d hate. But it is also trash and also can realize what a pearl necklace or a pair of Ferragamo shoes is.

In short, she can both realize the essence of Manuela Ferreira Leite as also the essence of the creations of Rei Kawakubo (the most original we could remember immediately).

So, we thought it could make sense to contribute with some of the newest choices or with some of those that will stay forever.

Choose Royal in Trashédia will bring design objects that can look good over a guéridon.
Stay to see and start with the Zvezdochkas, by Marc Newson for Nike.

Joana Barrios: thank you, with all our heart.

(photo: Joana Barrios’ portrait by Carlos Pinto)

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on March 5, 2015 by in Uncategorized.
%d bloggers like this: