Choose Royal

Design, objects, material culture and stuff.

O que é esta Merda?

Já sabíamos que o dinheiro não está para se gastar.
Compreendemos e até nos conformamos com a ideia de se fazerem concursos que põem de lado os Castros ou de termos menos Natal nas ruas.
Aceitamos as iluminações pobrezinhas que a Câmara de Lisboa nos propõe e até já perdemos o rasto da Puta da Árvore (que, até sabermos, tinha ido para o Porto, onde estava muito bem).
Tudo isso também por respeito à humildade que a época sugere.
Mas eis que as marcas, que continuam a ter que comunicar e a poder pagar estas coisas, com o dinheiro que lhes damos  ganhar, surgem com as suas ideias de iluminações de Natal, que são uma espécie de publicidade meia ou nada disfarçada.
No ano passado já o banco Santander (ou foi a Volkswagen? ou isso foi no ano anterior?) iluminava a Avenida da Liberdade, embora ainda com alguma descrição.
Este ano, começou o deboche: o Marquês tem rede TMN, o Rossio é da Santa Casa (antes fosse, e pusesse os olhos em quem se refugia nas arcadas do D. Maria e em tudo o que é canto onde se pode dormir com menos vento e menos chuva) e o Saldanha também está tomado (não nos conseguimos lembrar por quem).
É verdade que a CML abriu um concurso para vender mais ruas no Natal (até a Rua Augusta e a Garrett!) mas, pelos vistos, nem todas ficaram com dono.
Mas a gota de água é a decoração do Santuário do Cristo Rei, e daqui a Câmara de Lisboa lava as mãos, pois fica no “lado certo”.
Alguém vendeu o Cristo Rei, santuário e monumento tutelado pela Diocese de Setúbal, à Samsung, para decorar em Natal. Não sem lhe adicionar, claro, a marca que lhes diz respeito (que a miopia nos deu a graça de não perceber à primeira).
Assim, o Cristo Rei, que já por si é um pastiche de estética duvidosa, mas a que já nos habituámos, passou a transmitir num raio de “14 quilómetros” “uma mensagem de União e Paz” através da representação de “quatro anjos de mãos dadas” compostos por “52 mil LEDs azuis e brancos”.
Ficamos sem palavras com esta beleza de Natal.
O que nos vale, é que temos para nós um Natal muito superior a tudo isto, que nos foi ensinado em casa.
Poupem-nos a estas merdas.
Advertisements

9 comments on “O que é esta Merda?

  1. Anonymous
    November 26, 2008

    A Men! 🙂Luv iu… Pedro F.

    Like

  2. Luis Royal
    November 26, 2008

    thanks!bora ser bombistas?we lóv iú tu. 😉

    Like

  3. Susana Pomba aka missdove
    November 27, 2008

    bute lá.ps – o que é aquele poema, LIIIINNDODODOOOOO?beijosxxxdove

    Like

  4. Luis Royal
    November 27, 2008

    “lá”?“poema”?madame dove, estamos dessintonizados?consigo vamos onde quiser e escrevemos os mais inspirados poemas, mesmo que da inspiração resulte coisa pobre.beijos idem.

    Like

  5. poor guy fashion victim
    November 27, 2008

    apoiado 300%. Bombas no cristo rei e na árvore de natal que me tem invernizado a vida mais a cambada toda que resolve ir ver a árvore de carro. Dupla merda ou tripla merda.Dou por mim ao gritos na rua a mandar todos para o Colombo ou para o raio que os parta

    Like

  6. Luis Royal
    November 27, 2008

    como gostamos de ver gente que nos compreende e motiva.assim que contarmos com meia dúzia, combinamos um ajuntamento no largo do carmo e partimos em descapotáveis para o pragal (cada um no seu: fora com a sustentabilidade!)

    Like

  7. Pratas
    November 28, 2008

    O Natal de hoje em dia é uma tristeza. É um negócio apenas… Essa decoração ridícula apenas demonstra naquilo que o Natal se tornou nos últimos tempos. Já viste que os enfeites de Natal em algum hipermercados começaram em Outubro?Muita gente devia ir por exemplo à Suécia para aprender o que é verdadeiramente o Natal.

    Like

  8. Diniz
    November 28, 2008

    Já nos tinhamos livrado da árvore no terreiro do Paço…Agora isto? Onde posso assinar uma petição? Onde posso deixar uma encomenda armadilhada? Vou preparar o meu passa montanhas e as garrafinhas para os cocktail molotof!!Um belo “post”, parabens!Ha muito que não nos vemos pelas inaugurações…saudades

    Like

  9. Luis Royal
    November 28, 2008

    caro pratas,é certo que é tende a ser uma tristeza, mas temos para nós as melhores memórias de natal e acreditamos que é ao preservá-las e prolongá-las que o natal continuará a ser o que era.não se siga pelos modelos escandinavos, pois não o levarão longe, apenas a uma úlcera nervosa.caro diniz,muito obrigado pelo militantismo. assim que tivermos o atentado organizado contaremos consigo.enjoámos os croquetes. quando começarem a servir rissois avise-nos, pois prometemos voltar.bem hajam,a gerência.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on November 26, 2008 by in O que é esta Merda?, Uncategorized.
%d bloggers like this: